Curtamente Falando: Invention of Love

Não sei como ainda não tinha feito um Curtamente Falando sobre esse curta sendo que foi um dos que me inspirou a abrir esse quadro aqui no blog.
Nele, nós conhecemos o verdadeiro amor, aquele cheio de defeitos, que machuca, que nos faz sangrar. O amor que nos impulsiona a fazer coisas horríveis, assustadoras até para nós mesmos.
Mas ele nos faz fazer essas coisas sempre pensando no bem da pessoa amada, mesmo que ela não queira, nós fazemos, e é disso que se trata o curta. 
Nele conhecemos um homem perdidamente apaixonado, que também é um inventor, mas sua amada é uma garota do campo. Depois que se casam, o casal vai morar na cidade e a garota começa a se sentir pressionada pela tecnologia da cidade grande e se sentir sufocada por tantas coisas mecânicas que a rodeiam.
É muito bonito ver como nem mesmo o amor pode mudar quem somos, notamos que não importa o quanto gostamos da companhia que temos, os sacrifícios que fazemos em nome do amor não podem ser maiores que nossa felicidade.
Comentários
4 Comentários

4 comentários:

  1. Gostei bastante dele, me lembrou um jogo que joguei a um tempo atras! indiretamente me lembrou o conto de hp também sobre as relíquias O.o vai entender

    Beijos Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uau! Hahahha a arte realmente lembra um pouco HP, amo esse curta *-*

      Excluir
  2. Achei lindo demais esse curta. A produção do vídeo ficou muito completa e tudo se encaixou com o enredo e a mensagem passada. Muito perfeito!

    www.laoliphant.com.br

    ResponderExcluir

Regras:
- Seja educado;
- Parcerias devem ser tratadas através do e-mail;
- Comente, não divulgue. Você pode por o link para seu blog ao fim do comentário, mas não poste apenas isso.
Comentários que desrespeitem as regras serão deletados e não receberão resposta.